Translate this blog!

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Organização de eventos - aff!

Enquanto somos alunas, não temos ideia do quão trabalhoso é organizar shows e festivais de Dança Árabe. As bailarinas profissionais que já se aventuraram com isso entendem perfeitamente o que digo: a busca para local pra workshop e teatro, reunião de todas as músicas, filmagem, som, iluminação, preocupação com público, divulgação, staff, etc etc etc. cada item a ser constantemente revisto até que chegue o dia.

Já organizei dois shows com convidados de fora da cidade: isso multiplica os custos e o trabalho. Passagens, estadia, alimentação, transporte e cachê. Por isso, é preciso muita certeza, paciência e garantia financeira de que você vai pagar tudo, mesmo com prejuízo. O QUE É COMUM, não importa o tamanho do evento.

O sofrimento sempre se inicia com a escolha do local do show; você não pode fazer NADA sem isso. O máximo que você tem em mente é uma data prevista para marcar o local. E tudo está para hora da morte, pelo menos, aqui na cidade do Rio de Janeiro. Preço, segurança, disponibilidade de data: são coisas difíceis de combinar do jeito que você quer. E, às vezes, você deve abrir mão de algo para realizar seu projeto.

Uma vez combinado o local, começa a busca por atrações - essa é a parte mais divertida para mim. Montar o show, escolher as músicas, fazer o cartaz. Pronta sua programação, hora de divulgar! Daí também vem a parte de distribuição de cartazes, confecção dos ingressos, divulgação por internet... boa hora para aumentar ou estreitar contatos!

Obviamente, nem vou comentar como segue o dia do show: ADRENALINA PURA, para que tudo dê certo. Ah sim, também não é comum tudo sair 100%, ter jogo de cintura é absolutamente fundamental. O cara da filmagem esqueceu do evento, você esqueceu o CD do show, não limparam o teatro... essas coisas.

Dicas de quem organiza e também frequenta shows:
- Sugiro fortemente que os cartazes sejam feitos por bons designers: para mim, isso qualifica muito a organização. Cartazes mal feitos sugerem desleixo.
- Seja pontual: As pessoas cansam de esperar, desanimam.
- Evite que o público saiba dos problemas dos bastidores: ninguém precisa saber que você está muito chateada com o atraso de alguém.
- Cuide das convidadas do show com carinho: elas podem retornar (ou não) para seus eventos. Comidinha gostosa, água, suco e camarim confortável.
- Contrate um staff, uma ou duas pessoas para te ajudarem no dia: nossa, COMO faz diferença!!! Nem que seja aquele seu amigo, camarada!
- Caso você faça um DVD, escolha alguém que faça boa edição: seu evento não terá terminado no dia, já que você irá propagá-lo por aí. Edições mal feitas (às vezes, não é culpa nossa) queimam um pouco nosso filme.

Tem evento que eu nunca mais pisarei. Como eu não quero que isso ocorra comigo, prefiro organizar algo o mais bonito possível, mesmo que isso custe mais do que eu previ. As impressões são as que mais importam, não importa o quanto você gastou. São elas que vão fazer você aumentar seu público, ganhar alunas novas e ficar bem dentro da classe artística. CLARO, que a satisfação do evento ter acontecido é sempre grande. Todos se orgulham dos projetos criados e cumpridos.

  Muito feliz no encerramento do "Zahra Sharq" 2009, com Maira Magno.

Boa sorte a todas que já organizaram evento e às que ainda irão se aventurar!

Bauce kabira,
Hanna Aisha
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...